A Polícia Civil do Amazonas vai encaminhar para a Corregedoria da Secretaria de Segurança Pública do Estado o caso do investigador Alessandro Cardoso, lotado no 23º Distrito Integrado de Polícia, suspeito de ameaçar com uma arma de fogo uma Oficial de Justiça do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM). 

A servidora cumpria mandando de busca e apreensão do veículo do policial quando sofreu as ameaças. Conforme testemunhas, o policial fugiu do local no veículo.

A Polícia Civil informou que o caso será encaminhado para a Corregedoria da SSP, onde o policial deverá prestar esclarecimentos sobre o fato. “Caso seja comprovado a má conduta ou abuso de autoridade, o mesmo responderá administrativamente”, afirma a Polícia Civil, em nota. A Polícia Militar respondeu, por meio da assessoria, que não há registro do caso no sistema do Centro Integrado de Operações de Segurança.

A Assistência Militar do TJAM ainda não foi comunicada do fato.

Até a publicação desta matéria, não havia informações sobre o paradeiro do investigador. 

Fonte: InfoJus Brasil com o Portal D24am

0 comentários:

Postar um comentário

 
Top